terça-feira, 27 de outubro de 2015

IGAC ordena bloqueio de 51 novos websites


Sites como o The Pirate Bay já não se encontram disponíveis para acesso directo.

Agora, a listagem irá incluir 51 novos domínios, sobre ordem da IGAC. A maioria dos sites que irão ser bloqueados são direccionados especificamente para Portugal.

 O bloqueio deverá começar a ser aplicado na generalidade dos fornecedores de acesso à internet dentro dos próximos dias.

No entanto, os bloqueios apenas são aplicados a nível do DNS.

Ou seja é possível contornar facilmente o bloqueio alterando o servidor de DNS do seu computador e assim deixa de tar impossibilitado de aceder aos sites bloqueados,

Os sites que irão ser bloqueados são:

  1. 1337x.to
  2. btrev.net
  3. clubedodownload.info
  4. dayt.se
  5. extratorrent.cc
  6. forum-maximus.net
  7. gigatuga.com
  8. lusoshare.com
  9. megafilmeshd.net
  10. moov7.net
  11. osmetralhas.pt
  12. osreformados.comindex.php
  13. piratatugafilmes.com
  14. poptuga.com
  15. ptxtuga.com
  16. revistas-jornais.blogspot.com
  17. revistas-jornais.blogspot.pt
  18. seriestvix.tv
  19. thewatchseries.to
  20. toppt.net
  21. torrentreactor.com
  22. tuga.io
  23. tugaanimado.net
  24. tugaflix.com
  25. tugaoxe.com
  26. watchseries.lt
  27. baixartv.com
  28. cinefilmesonline.net
  29. elitedosfilmes.com
  30. filmesonline2.com
  31. filmesonlinegratis.net
  32. lusofilmesonline.com
  33. monova.org
  34. primewire.ag
  35. rpds-download.org
  36. scnsrc.me
  37. seriesvideobb.com
  38. sharetuga.com
  39. torrenthound.com
  40. tuga-filmes.info
  41. warez-box.net
  42. watchseries.li
  43. filmesonlineportugueses.wordpress.com
  44. isohunt.to
  45. kat.cr
  46. piratebay.to
  47. rarbg.to
  48. ratotv.net
  49. thepiratebay.la
  50. yts.to
  51. toppt.tv

domingo, 4 de outubro de 2015

Virus infecta routers para proteger utilizadores de Outros virús

virus benigno 
Quando se fala de virus e malware, muita gente associa os mesmos a programas maliciosos, como sendo algo a manter “longe” do sistema. No entanto, foi recentemente descoberto o oposto.

A empresa de segurança Symantec revela ter descoberto um novo virus, o Linux.Wifatch, que possui como objetivo infectar routers e prevenir que os mesmos recebam outro tipo de malware. Ou seja, este “virus” verifica se um determinado equipamento está a receber malware, eliminando o mesmo antes sequer que chegue aos sistemas dos utilizadores.

O vírus mantem ainda uma ligação P2P aberta para ser atualizado contra novas ameaças que possam surgir. Para os que pretendam remover este “virus”, a solução passa simplesmente por realizar o reset completo ao equipamento, sendo automaticamente eliminados todos os traços do mesmo.

Até ao momento ainda se desconhece o autor deste virus, porém aparenta tratar-se de algo benigno. A empresa sublinha que irá permanecer atenta ao Linux.Wifatch para se certificar que não altera o funcionamento para atividades maliciosas.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Actualização para o Windows 7, 8 e 8.1 permite à Microsoft espiar-te como faz no Windows 10.

Recentes actualizações para o Windows 7, Windows 8/ 8.1 permitem agora à Microsoft exercer o mesmo método de captura de informações do teu computador que o Windows 10 também tem.
Muitas pessoas preferiram não instalar o Windows 10 por razões de privacidade, esperando assim estarem mais seguros contra os dados que a Microsoft recolhe da tua utilização do Windows. Mas algumas actualizações recentes do Windows 7 ao 8.1 permitem à Microsoft fazer exactamente o mesmo.
As actualizações (entre outras) são a KB3075249 e KB3080149. Mas a lista de actualizações que provavelmente espiam o teu computador, de acordo com o Hack Read, é mais extensa:
KB2876229
KB2923545
KB2970228KB3035583KB2990214KB3021917KB3068708
KB2592687KB2660075KB2506928KB2952664
KB3050265KB2726535KB2994023KB3022345
KB3022345
KB2545698
KB3065987
artigo do Hack Read tem instruções detalhadas de como remover estas actualizações.
O Hackers Portugal recomenda que caso não queiras estas actualizações, as removas do teu computador lendo o artigo já referido ou que vás ao Windows Update e “escondas” estas actualizações.

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Saiba como evitar espionagem

Preocupado com a espionagem informática, o esloveno Emil Kozole criou o Seen, um programa composto por um conjunto de fontes de letra que revela quando uma mensagem é de provável interceção pela NSA (Agência de Segurança Nacional norte-americana). Para criar o Seen, o programador baseou-se numa lista de palavras suspeitas divulgada em 2011 pelo Departamento de Segurança Interna dos EUA. São 300 expressões, como, por exemplo, "gangues", "exercício", "explosão" ou "AK47". O criador quer iniciar "um debate no campo indefinido de linguagem versus dados" e mostrar como algumas destas palavras podem ser excessivamente ambíguas. O programa possuí três estilos de eliminação de palavras: o riscado, o sublinhado e o apagão (ver imagem em baixo). 

Se desejar instalar este programa pode fazê-lo no site do Project Seen.




As revelações do analista norte-americano da NSA Edward Snowden, atualmente em asilo político na Rússia, revelaram que operações de espionagem daquela agência são tão extensas que incluem a interceção de informações de aliados, entre os quais de governos ou chefes de Estado. 

Kaspersky acusada de injetar código malicioso para enganar rivais?

kaspersky

A Kaspersky é  conhecida pelos seus vários serviços de segurança e protecção, como é o caso de antivírus. No entanto a empresa encontra-se atualmente a ser alvo de várias acusações.

De acordo com a agência Reuters, citando dois antigos funcionários da empresa, a Kaspersky estaria a desenvolver falsos malwares há mais de 10 anos. Esta medida teria como objetivo prejudicar outras firmas com produtos antivírus no mercado.

Segundo os ex-funcionários, o processo seria relativamente simples. A empresa estaria a injectar pequenos códigos maliciosos em aplicações legitimas. Posteriormente, estas aplicações eram enviadas para agregadores de malware, como é o caso do serviço VirusTotal.

Posteriormente, quando outras empresas de segurança adicionassem o código malicioso injetado nas suas bases de dados, estas soluções de segurança iriam marcar aplicações fidedignas como sendo maliciosas, prejudicando assim a imagem dessa solução antivírus.

Esta sabotagem esteve a ser desenvolvida entre 2009 e 2013, sendo que alguns funcionários eram alocados para um destes projetos durante semanas. No entanto a prática era conhecida apenas por um grupo restrito de funcionários dentro da empresa.

Em resposta, a Kaspersky já emitiu um comunicado onde afirma que as práticas descritas nunca foram realizadas pela empresa. Esta sublinha ainda que considera as mesmas como desonestas e ilegais.

Samsung inicia produção dos chips V-NAND de 256 gigabits

vnand samsung

A Samsung revelou que iniciou a produção em massa dos novos chips V-NAND de 256 gigabits.

Estes chips poderão contar com até 32 GB de dados em cada bloco do semicondutor. De acordo com o portal TomsHardware, além de contarem com a tecnologia NAND 3D, que é capaz de duplicar o espaço disponível nas unidades SSD atuais, estes novos chips deverão contribuir para a redução geral do preço por GB dos discos SSD.

Os primeiros modelos deverão começar a ser disponibilizados no mercado dentro dos próximos meses, sendo que o objetivo da Samsung passa por ultrapassar as rivais Intel e SanDisk no mercado das memórias flash.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Como forçar o update do Windows 10 para quem tem o Windows 7 e Windows 8.1

Quem tem o Windows 7 e o Windows 8.1 tem actualização gratuita para o Windows 10. 
O problema é que muitas pessoas podem esperar dias ou semanas para receberem a atualização para o Windows 10.
O grupo Hackers Portugal mostram no seu site como podes forçar a atualização e obteres o Windows 10 hoje.

Segue os seguintes passos:
  1. Abre C:\Windows\SoftwareDistribution\Download e elimina todas as pastas e ficheiros que lá estiverem.
  2. Abre o Windows Update (mas não procures por actualizações)
  3. Abre a linha de comandos como administrador e escreve “wuauclt.exe /updatenow” mas não carregues on enter
  4. Em seguida, vai ao Windows Update que tens aberto e procura actualizações agora
  5. Enquanto ele procura actualizações, vai à linha de comandos que abriste no ponto 3 e carrega no enter
De seguida, o Windows 10 vai começar o download.

sexta-feira, 17 de julho de 2015

Windows 10 vai ser vendido em pens USB

windows_10_pen_1
O Windows 10 que irá inaugurar uma nova forma,o windows 10 irá ser comercializado numa pen drive coisa que não acontecia com os sistemas operativos anteriores da Microsoft.
  1. Tradicionais DVD's ;
  1. Mais recente Opção de download;
  1. Pen's USB



Os rumores sobre esta nova forma de comercialização do Windows vinham já a ser falados há algum tempo, depois de várias indicações terem mostrado que a Microsoft poderia optar por esta forma de distribuição do Windows 10.

A  Microsoft  confirmou que esta nova forma de comercialização do Windows será para manter, sendo também uma das formas que a empresa espera ter na sua loja online.

A MS adere assim a mais uma forma de comercialização do Windows, passando a contar  com 3 formas de comercialização do windows:

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Windows 10 terá upgrade gratuito disponível a 29 de Julho

windows_10_1Tal como já se suspeitava o Windows 10 vai chegar em Julho. Será já a partir do dia 29 de Julho que o Windows 10 irá ficar disponível em 190 mercados e terá actualização gratuita para todos os utilizadores que possuam as versões Windows 7 e 8.1.
A partir de dia 29 de Julho, os consumidores terão um ano para poderem realizar o upgrade gratuito do Windows 10. 

Caso não tenha Windows Original não irá poder fazer upgrade para o windows 10.

terça-feira, 19 de maio de 2015

Requisitos para instalação do Windows 10

Os requisitos oficiais para correr o Windows 10 são:
  • CPU: 1 Ghz ou superior
  • RAM: 1 GB de memória (32-bits) e 4 GB (64-bits)
  • Espaço em Disco: 16GB ou mais
  • Placa Gráfica: Suporte para Microsoft DirectX 9 com driver WDDM
  • Conta Microsoft e acesso à Internet
Ao nível do CPU, tal como acontecia com o Windows 8.1 deverá suportar PAE, NX e SSE2, Ou seja:
  • PAE – O PAE (Physical Address Extension Patch) é uma funcionalidade dos processadores X86 que permite endereçar mais de 4 GB (até 64 GB) em sistemas de 32 bits;
  • NX – (Bit de processador NX) – permite ao processador proteger o PC contra ataques de malware;
  • SSE2 – Conjunto de instruções cada vez mais usado por aplicações e drivers de terceiros;

sábado, 25 de abril de 2015

Como Configurar o Icloud no Android

Configurar IMAP
  • Quando for solicitado o servidor IMAP coloque imap.mail.me.com.
  • O seu nome de utilizador (username) é o seu nome que compõe o seu endereço @icloud.com.
  • A palavra-passe é a mesma do seu Apple ID .
  • O Certificado deve ser colocado como SSL, ou SSL (aceitar todos os certificados) se estiver a ter problemas ao ligar-se.
  • O número da porta necessita de ser 993.
Algumas apps não necessitam dos dados, preenchendo-os automaticamente
Algumas apps não necessitam dos dados, preenchendo-os automaticamente.
Depois de inserir toda a informação atrás sinalizada, clique no botão Seguinte e será enviado para outro quadro de configuração, será a secção de SMTP, configure o protocolo de envio de email. Novamente será necessário colocar alguns dados, veja o que é necessário:
Configurar SMTP
  • Quando lhe for solicitado o servidor SMTP coloque smtp.mail.me.com.
  • O tipo de seguro poderá colocar TLS (aceitar todos os certificados)
  • O nome de utilizador e palavra-passe devem ser introduzidos tal como fez no passo em cima.
  • Aceite os certificados como SSL ou TLS (terá novamente de clicar na opção para aceitar todos os certificados). 
  • A porta é a 587.
  • Quando for solicitado pela autenticação SMTP clique no SIM.
imagem_icloud_no_android01_small
Serviço de mail da Apple no Android.
Felizmente, os detalhes deixados em cima devem ser os suficientes para ter a conta a funcionar. Poderá estranhar estas configurações todas, principalmente para quem vem do iOS, onde tudo é mais intuitivo e parte já nem é necessário configurar. Agora poderá ter a sua conta iCloud no seu Android.
Há uma ou outra app que tornam este caminho menos trabalhoso, mas agora já tem o necessário para configurar em qualquer app de email para Android. Caso tenha alguma sugestão, até porque de smartphone para smartphone há opções que se alteram, deixe nos comentários.

quinta-feira, 23 de abril de 2015

chegou o Project Fi - a nova operadora móvel da Google

project fi google
A Google revelou hoje a sua nova operadora móvel, apelidada de “Project Fi”.

De acordo a empresa, este serviço será destinado apenas aos utilizadores do Nexus 6 nos EUA, e que recebam um convite para o teste. A empresa garante que o serviço irá disponibilizar o acesso a uma rede rápida e distribuída mundialmente. 
Invés de desenvolver uma operadora de raiz, a Google optou por conjugar-se com operadoras já existentes, neste caso a T-Mobile e Sprint, para aproveitar a plataforma destas com a utilização do Project Fi.

Entre algumas das funcionalidades reveladas, a empresa sublinha que, caso o utilizador inicie uma chamada telefónica sobre uma rede wifi e caso perca gradualmente sinal, a chamada irá ser transposta diretamente para uma das operadoras parceiras, nomeadamente aquele que tiver mais sinal no momento.

Os custos ainda não são totalmente claros, mas estes deverão começar em cerca de 20 dólares, com acesso a chamadas ilimitadas para números residenciais e mensagens de texto gratuitas mundialmente.

Fonte: Tugatech

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Como ativar o java e o Microsoft Silverlight na versão 42 do Google Chrome

Em 2013, a Google avisou que queria acabar com os plugins no chrome.
O Chrome iria perder na versão 42 suporte a eles, obrigando sites a usar padrões da web como o HTML5. 
A verão 42 do Google Chrome  não permite que Java e Silverlight funcione  de forma automática para isso terá de Ativar de forma Manual.
Para isso basta que insira chrome://flags/#enable-npapi, depois clicar em “Ativar” e depois em “Reiniciar agora”
Chrome - reativar plugins

Dessa forma terá acesso a vários serviços que usam a velha tecnologia NPAPI, val acrescentar que a ativação manual do silverlight só está disponível até Setembro após isso o chrome perde perderá o suporte a plugins NPAPI.
Todos os plugins também estão sendo removidos da Chrome Web Store.

terça-feira, 14 de abril de 2015

Hackers controlaram página da Google na Malásia





A página inicial da Google é usada por milhares de utilizadores de todo planeta.  No entanto, durante o dia hoje (15-04-2015), alguns utilizadores na Malásia foram surpreendidos ao aceder ao site.

De acordo com o Wall Street Journal, a página da Google na Malásia foi atacada, tendo redirecionado os utilizadores para outro site. O ataque aparenta ter ocorrido via o DNS, sendo que os atacantes obtiveram acesso à MYNIC, a entidade responsável pelo registo de domínios na região, tendo alterado os DNS do domínio da Google. A situação foi resolvida em poucas horas.

O ataque foi reivindicado pelo hacker TiGER-M@TE, que no passado também já tinha realizado um ataque similar no site da Google no Bangladesh.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Lançada a versão 4.0 do kernel Linux, veja as novidades

kernel_04
O kernel é responsável por fazer a interação entre software e hardware, permitindo que os processos comuniquem com os hardware.

Quais são as novidades do  Kernel Linux 4.0?


  • Melhorias a plataforma Intel Skylake
  • Suporte ao SoC Intel Quark
  • Melhor gestão de energia em portáteis Toshiba
  • Melhoria ao nível dos drivers de som
  • Melhorias no sistema de ficheiros, como por exemplo, F2FS e BtrfFS
  • Driver open-source da AMD Radeon tem agora suporte para DisplayPort Audio
  • Melhor desempenho para correr na Playstation 3
Como instalar /actualizar para o Kernel 4.0 no Ubuntu?
Antes de actualizar, é necessário saber se o seu sistema é de 32 bits ou de 64 bits (32-bit = i386, 64-bit = amd64). Para isso basta ir a System Settings –> Details.
 Em seguida, basta executar os comandos apropriados:
[32 bits]
cd /tmp
wget \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-headers-4.0.0-040000_4.0.0-040000.201504121935_all.deb \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-headers-4.0.0-040000-generic_4.0.0-040000.201504121935_i386.deb \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-image-4.0.0-040000-generic_4.0.0-040000.201504121935_i386.deb
sudo dpkg -i linux-headers-4.0*.deb linux-image-4.0*.deb
sudo reboot
[64 bits]
cd /tmp
wget \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-headers-4.0.0-040000_4.0.0-040000.201504121935_all.deb \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-headers-4.0.0-040000-generic_4.0.0-040000.201504121935_amd64.deb \
kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.0-vivid/linux-image-4.0.0-040000-generic_4.0.0-040000.201504121935_amd64.deb
sudo dpkg -i linux-headers-4.0*.deb linux-image-4.0*.deb
Caso pretendam remover o Kernel 4.0 basta usar o seguinte comando
sudo apt-get remove linux-header-4.0* linux-image-4.0*
A actualização do kernel traz novas funcionalidades ao  sistema.
O processo actual para actualização é bastante simples e caso detectem algumas instabilidade no sistema, podem sempre reverter o mesmo para outra versão do kernel.