quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Build 9879 do Windows 10 está já disponível para download

. Ainda numa versão de testes muito inicial, é já possível a todos testarem-na e avaliar o que a Microsoft está a preparar para o futuro.
Esta nova versão vem iniciar um processo de lançamento de novas versões diferente do habitual, onde vão surgir novidades de forma periódica e através dos canais de actualização.
A mais recente versão do Windows 10 surge agora, com algumas novidades interessantes e que melhoram ainda mais a experiência de utilização do Windows. A Build 9879 está disponível e pode ser já instalada.
win_10_9879_1
Esta nova build vem continuar os desenvolvimentos que foram mostrados na apresentação do Windows 10 e pretendem mostrar que o Windows não está parado e que os programadores da Microsoft continuam a desenvolver e a melhorar a interface e o próprio core do sistema operativo.
Para poderem ter acesso a esta nova build do Windows 10 os utilizadores precisam de ter estar versão do Windows instalada e configurar a utilização da actualização. Para isso acedam a Iniciar -> Configurações do PC -> Atualização e Recuperação -> Technical Preview.
A primeira novidade está na possibilidade de esconder os novos botões de Task View e de Search. Este pedido surgiu logo pelos utilizadores nos primeiros dias de utilização do Windows 10 pois queixavam-se de que estes ocupavam demasiado espaço na barra de tarefas.
win_10_9879_2
Depois a Microsoft resolveu também melhorar as animações de transição de janelas, tornando-as mais fluidas e mais consistentes. Esta era outra queixa dos utilizadores.
Para tornar mais apelativa e mais simples de usar as modern apps no desktop, os botões de minimizar e maximizar foram alterados e têm agora uma nova imagem. Os círculos foram substituídos por ícones “hamburger-style” (3 linhas horizontais).
Os novos gestos, apresentados recentemente, já estão também disponíveis e podem ser usados desde já. Estes facilitam o acesso a funções do Windows e facilitam a utilização do sistema operativo.
Outra novidade de peso está concentrada no OneDrive. Este serviço Cloud da Microsoft está cada vez mais integrado com o Windows e agora dá aos utilizadores a possibilidade de fazerem sincronização selectiva de ficheiros, garantindo que apenas os escolhidos são armazenados na Cloud e sincronizados com o Windows 10.
Foram também introduzidos novos ícones que permitem agora identificar quais os ficheiros que estão disponíveis offline e quais os que estão disponíveis apenas quando o utilizador está ligado à Internet.
win_10_9879_3
O suporte para ficheiros MKV, já conhecido há algum tempo, confirma-se agora nesta versão, dando a possibilidade de serem vistos vídeos neste formato no Windows 10, usando apenas o Windows Media Player ou outro qualquer player que o suporte.
Também o Internet Explorer foi alvo de melhorias, havendo agora um botão dedicado ao envio de feedback, que permitirá serem reportados problemas. O próprio comportamento geral deste browser foi melhorado, com a introdução do novo motor de renderização Edge, ainda limitado a um número reduzido de utilizadores.
win_10_9879_4
Por fim surgem as aguardadas melhorias na interface do utilizador. São várias as alterações e melhorias, garantindo que esta interface está adaptada ao utilizador.
Existem novos ícones e a possibilidade de no Explorador de Ficheiros fazer o pin das pastas preferidas na zona Home.
win_10_9879_5
O Windows 10 é ainda um sistema operativo em desenvolvimento e por isso é normal que surjam estas mudanças e alterações. Espera-se que mesmo depois de terminado e lançado surjam constantes melhorias e actualizações, para darem aos utilizadores as necessárias correcções e novas funcionalidades.
A aposta da Microsoft neste novo Windows é elevada e é esperado que esta versão seja o culminar e o amadurecer de algumas experiências que foram feitas em versões anteriores.
Esta nova versão (Build 9879) está já disponível e todos os utilizadores podem actualizar as suas máquinas para terem acesso a todas estas novidades.
Homepage: Windows 10