quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Cidade alemã muda de sistema operativo Windows para Linux

Apesar da história dos cidadãos da cidade de Munique terem de emigrado de Windows para Linux  ter sido considerado um desastre, a verdade é que há mais cidades alemãs a seguirem o exemplo e a migrar de Windows para Linux.
Gummersbach, uma cidade da Alemanha com cerca de 50 mil habitantes acabou de terminar, com sucesso, o processo de migração do Windows para Linux Suse.
Desconfia-se que esta migração tem a ver com a descontinuidade do suporte do Windows XP. 
Suse_Linux
Em Agosto, os responsáveis pela cidade enviaram um comunicado ao sitePro Linux, um site de notícias alemão Linux, anunciando a conclusão do projecto de migração e detalhando a política de implementação.
O processo de migração iniciou-se em 2007, quando já havia uma clara visão em substituir o software proprietário por open source. . A migração “salvou” a cidade de uma soma de cinco dígitos, e espera-se uma redução adicional de custos com TI,  licenças proprietárias e também custos inferiores com hardware.
De acordo com o site Joinup, foram migrados 300 Desktops de Windows para Linux, mais concretamente para a distribuição Linux Suse. Como ambiente de trabalho passou a ser usado o Mate.
 Actualmente há apenas 25 computadores com software proprietário.
suse_mate
Os funcionários da cidade de Gummersbach passaram a usar o LibreOffice como ferramenta de produtividade, Open-Xchange para e-mail e outras ferramentas open source. Alguns departamentos estão a também a usar o Wollmux ,uma ferramenta de código aberto para gestão de formulários e modelos de documentos desenvolvidos pela cidade alemã de Munique.
Via Joinup